Tejiendo Redes Infancia - Unión Europea
Tejiendo Redes Infancia - Unión Europea

NOSSOTRABALHO

Em 2016 teve início o projeto #TejiendoRedesInfancia cofinanciado pela União Europeia, a Associação Sueca para o Desenvolvimento Internacional (Asdi) e a Save The Children, que busca incentivar a participação de redes de organizações da sociedade civil que trabalham em prol dos direitos da infância, bem como meninas, meninos e adolescentes.

Estes são alguns dos conquistas do projecto:
Advocacy em nível nacional e intergovernamental; perante organizações regionais e internacionais.

• Fortalecimento dos laços estratégicos com organizações internacionais para a proteção dos direitos humanos:
o Comitê das Nações Unidas sobre os Direitos da Criança.
o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF-ONU)
o Sistema Interamericano de Direitos Humanos (SIDH)
o Relatoria sobre os Direitos da Criança da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH).

• Diálogo estratégico sobre a crise humanitária das crianças migrantes entre o México e os países da América Central.
• Convocador e participante dos Fóruns Interamericanos de Sistemas Nacionais de Proteção Integral (México e Uruguai).
• Seminários do Pensamento Latino-Americano sobre os Direitos da Criança e do Adolescente no México e na Colômbia, com a participação de tomadores de decisão.
• As coalizões nacionais desenvolveram capacidades para interagir com o Sistema Interamericano de Direitos Humanos (SIDH). Essas valiosas experiências foram compiladas no documento “Uso do Sistema Interamericano de Direitos Humanos por coalizões e redes nacionais de meninas, meninos e adolescentes” como uma ferramenta de pensamento coletivo em nível regional.

Capacitação de Organizações da Sociedade Civil

• Workshops de Treinamento e Investimento em Buenos Aires, Argentina; La Paz, Bolívia e San Salvador, El Salvador e Cidade do México, México.
• 16 dos 18 países que participam atualmente do projeto apresentaram seus planos de trabalho para realizar ações de monitoramento e vigilância cidadã.
• Temos um diagnóstico detalhado de 26 coalizões nacionais, para preparar planos nacionais de fortalecimento institucional e desenvolver “Observatórios Nacionais para crianças e adolescentes”.

Participação direta, ativa e proposital de meninas, meninos e adolescentes

• Meninas, meninos e adolescentes têm realizado ações de advocacy em espaços internacionais como o II Fórum Interamericano sobre Sistemas Nacionais de Proteção Integral de Meninas, Meninos e Adolescentes e no Encontro Niño Sur, em Montevidéu, Uruguai; entre outros.

• Atualmente, das 26 coalizões nacionais que fazem parte do projeto:
o 18 têm mecanismos de responsabilização
o 14 têm espaços de participação
o 9 informar crianças e adolescentes.

• Se realizaram:
o 17 Encontros Nacionais em 17 países.
o 3 reuniões sub-regionais (El Salvador, Brasil e Bolívia)
o 1 Reunião Regional (México)
No total, participaram 724 meninas, meninos e adolescentes de toda a região.

Mídia e redes sociais: promoção de ações coletivas que vão além do posicionamento político.

Denúncia e promoção de ações coletivas diante de situações graves de violação dos direitos de meninas, meninos e adolescentes.

Folhas de informações foram preparadas para trabalhar com a mídia em:
• Migração
• Justiça criminal para adolescentes
• Eleições presidenciais
• Investimento em crianças
• violência

Duas oficinas foram ministradas sobre como promover os direitos da criança na mídia, destinadas a membros de coalizões da sociedade civil.
Mantemos uma aliança estratégica com empresas líderes em Internet e redes sociais:
• Facebook
• Instagram
• Twitter
• Google.

Junto com essas empresas, temos promovido campanhas massivas como Stop Sextortion; Guia Twitter para Professores, Infância Segura, Cidadania Digital, entre outros, vinculados ao direito a uma internet segura para meninas, meninos e adolescentes, bem como a incorporação de mães e pais, professores, legisladores e empresas na promoção e garantia de o acesso seguro à Internet.

 

 

Convidamos você a participar das atividades deste projeto!

Fique ligado em nossas redes sociais